Bonecas peladas são usadas em ato contra violência à mulher

PÁDUA, 25 NOV (ANSA) - Cerca de 800 bonecas sem roupa foram abandonadas em uma praça de Pádua, na Itália, em uma manifestação organizada por ocasião do "Dia Internacional contra a Violência às Mulheres", celebrado hoje (25). A intervenção foi idealizada pelas italianas Anna Piratti e Silvia Gribaudi e leva o nome de "Toys?" ("Brinquedos?", em tradução livre). De maneira interativa, a instalação convidava o público a vestir as bonecas e a guardá-las em um local seguro. "É claro que não podemos redimir a vida de mulheres vítimas de violência com uma ação artística. De todo modo, tentamos afirmar o valor e a dignidade de um pessoa", disseram as artistas. "Uma ação simbólica que busca chamar atenção com um simples gesto de cuidado, que qualquer um deveria ter com outro ser humano, seja ele uma mulher, um homem, uma criança, um estrangeiro ou um deficiente", disse Sabrina Doni, prefeita da cidade de Rubano, onde ocorreu a manifestaçã.. "Toys?" nasceu em 2009 a partir de uma intuição da artista visual Piratti, que se baseou no artigo 4º da Declaração Universal dos Direitos Humanos: "Ninguém será mantido em escravidão ou servidão; a escravidão e o tráfico de escravos serão proibidos em todas as suas formas". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos