Pai de atirador de Paris é preso por ameaçar policiais

PARIS, 29 ABR (ANSA) - O pai de Karim Cheurfi, o terrorista que matou um policial na avenida Champs-Élysées, em Paris, no dia 20 de abril, foi preso na noite da última sexta-feira (28) após ameaçar um policial no súburbio da capital da França.   

De acordo com a rádio "RTL", o homem se apresentou em uma delegacia e xingou todas as autoridades presentes. Segundo a polícia, o pai do terrorista estava furioso com a cidade de Noisy-le-Grand porque não lhe deu permissão para enterrar o filho no cemitério local.   

Cheurfi, de 39 anos, foi morto pelas forças de segurança francesas após parar seu carro na avenida, considerada a mais célebre de Paris, e abrir fogo contra uma viatura estacionada na região. Na ocasião, o ataque foi rapidamente reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos