WhatsApp pede desculpas por 'blackout' mundial

ROMA, 4 MAI (ANSA) - O aplicativo de conversas instantâneas WhatsApp emitiu um comunicado em que pede "desculpas pelos problemas" causados por um blackout mundial nesta quarta-feira (3). No entanto, o app não informou o que causou a queda e limitou-se a informar que a instabilidade "atingiu usuários de todas as partes do mundo por poucas horas, mas já resolvemos o problema".   


O app parou de funcionar no fim da tarde desta quarta no Brasil - fim da noite na Europa - em todos os sistemas operacionais, seja Apple, Google e Microsoft. O WhatsApp tem mais de um bilhão de usuários ativos e o último grande colapso em escala mundial ocorreu em fevereiro de 2014, logo após o anúncio da venda do app para o Facebook, quando ele ficou fora do ar por quatro horas. Aquele blackout foi causado por um problema nos servidores, segundo a rede.   


Em junho de 2014, outra instabilidade causou problemas menores também em várias partes do mundo.   


Já no Brasil, o aplicativo saiu do ar por mais de uma vez por conta de decisões judiciais contra o app ou o Facebook, por eles se negarem a passar informações de conversas entre usuários. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos