Após atentado, mesquita é atacada perto de Manchester

ROMA, 23 MAI (ANSA) - Uma mesquita em Oldham, cidade da Grande Manchester, no Reino Unido, teve uma porta queimada por desconhecidos na madrugada desta terça-feira (23).   

O imã do templo muçulmano, Mohammad Saddiq, disse ao jornal "Daily Mail" que existe a possibilidade de ter sido uma "retaliação" pelo ataque na Manchester Arena, que deixou 22 mortos na noite anterior, mas que ainda "não é possível confirmar isso".   

"Não temos ideia de quem nos atingiu. Somos um centro educacional e religioso. É triste ver mais angústia em Manchester. O que aconteceu na noite passada foi terrível, mas essa não é a forma de responder", declarou Saddiq.   

O suspeito de ter cometido o ataque no fim do show de Ariana Grande é um jovem líbio-britânico de 23 anos supostamente chamado Salman Abedi. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos