Trump tirará EUA do Acordo de Paris, diz imprensa

ROMA, 31 MAI (ANSA) - Jornais dos Estados Unidos disseram nesta quarta-feira (31) que o presidente Donald Trump tirará o país do Acordo de Paris sobre o clima.   

Citando fontes em Washington, o site "Axios" informou que um time de especialistas, o qual incluiu o chefe da agência para a defesa do meio ambiente (EPA), Scott Pruitt, está trabalhando nos detalhes para formalizar a saída completa dos EUA do maior acordo global climático já alcançado na história. Outro veículos de imprensa, como a rede "ABC" e a "CBS", também divulgaram a notícia, confirmando a informação com fontes próprias na Casa Branca.   

Em resposta às especulações, Trump escreveu em seu Twitter que "anunciará sua decisão sobre o Acordo de Paris nos próximos dias". O magnata republicano foi o único líder do G7 a se recusar a assinar uma declaração conjunta sobre o clima durante a cúpula ocorrida no último fim de semana em Taormina, na Itália. Alemanha, França, Japão, Reino Unido, Canadá e Itália firmaram um documento ratificando seus compromissos para evitar as mudanças climáticas, mas os EUA ficaram de fora do texto. Desde que tomou posse, em janeiro, Trump ordenou a revisão da política climática norte-americana. Em várias ocasiões, o presidente disse que o aquecimento global era uma "invenção" e que as medidas para regular a emissão de gases poluente atrapalha a economia.   

O Acordo de Paris foi assinado na 21ª Conferência das Partes (COP21), em 2015 e aprovado para reduzir os gases causadores do efeito estufa. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos