Greve nacional de transportes paralisa a Itália

ROMA, 6 JUL (ANSA) - Roma e outras cidades da Itália enfrentam nesta quinta-feira (6) uma greve nacional dos sistemas de tranporte públicos, como metrô, ônibus, bondes e trens. A paralisação foi convocada pelos sindicatos USB, Faisa-Confail e Sul-CT, com previsão de duração de quatro horas por tora da Itália. Em Roma, porém, a greve deve durar um dia inteiro. Inicialmente, a paralisação tinha sido marcada para 26 de junho, mas foi reagendada sob ordem do Ministério dos Transportes da Itália.   

A greve foi convocada para criticar a privatização de empresas de transporte público e a reorganização do setor através de fusões e liquidações, o que, de acordo com os sindicatos, poderia comprometer as concessões. Além de Roma e Nápole, onde a situação do tráfego está pior, a greve afeta Florença, Turim, Nápole, Bolonha e Milão.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos