Condenação de Lula já ganha manchetes de jornais do exterior

SÃO PAULO, 12 JUL (ANSA) - Poucos minutos após o anúncio da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e meio de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, a mídia internacional já repercutia o veredicto.   


O italiano "La Repubblica" publicou a condenação em sua posição mais importante da capa, informando aos seus leitores que Lula foi "condenado na investigação Lava Jato, a operação Mãos Limpas do país sul-americano".   


O portal britânico "BBC" fez um "breaking news" sobre o caso e falou sobre a decisão do juiz Sergio Moro. O site ainda lembrou que o ex-presidente sempre afirmou ser "inocente" e que o julgamento era "motivado politicamente".   


O site francês "Le Figaro" também colocou em destaque a informação da condenação e seus motivos e destacou que o ex-mandatário "ícone da esquerda" poderá "fazer a apelação em liberdade".   


Quem também deu destaque quase imediato à decisão judicial foi o espanhol "El Pais", que informou sobre a decisão de Moro e ressaltou que essa "é a primeira das cinco sentenças que tem pendentes perante o juiz Moro".   


O britânico "The Independent" divulgou um "breaking news" com a notícia e destacou que Lula "foi presidente entre os anos de 2003 e 2010 e permanecerá livre enquanto apela da sentença".   


O assunto também repercutiu muito nas redes sociais, tendo a condenação de Lula assumido rapidamente o primeiro lugar entre os temas mais falados do Twitter. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos