Prefeita de Barcelona pede mediação da UE na crise catalã

BARCELONA, 28 SET (ANSA) - A prefeita de Barcelona, Ada Colau, pediu nesta quinta-feira (28) que a União Europeia (UE) faça a mediação entre os governos da Espanha e da Catalunha para solucionar "a crise territorial europeia mais grave dos últimos anos".   

Em um artigo publicado no jornal britânico "The Guardian", Colau afirma que a "Europa não pode se permitir a adotar uma posição passiva ante a questão catalã.   

"Minha obrigação como prefeita da capital da Catalunha, Barcelona, é pedir à Comissão Europeia que abra um espaço de mediação entre os governos para encontrar uma solução negociada e democrática ao conflito".   

O pedido acontece três dias antes do referendo de independência convocado para o dia 1º de outubro pelos partidos nacionalistas que governam a região. Por sua vez, a justiça espanhola declarou que a votação é "ilegal".   

Segundo a prefeita, "ao se demonstrar incapaz de encontrar uma solução durante todo este tempo, o governo espanhol permitiu que o conflito passasse de disputa interna a conflito europeu".   

Além disso, Colau também escreveu uma carta destinada aos prefeitos de 27 capitais europeias para transmitir a sua "preocupação pela gravidade da situação".   

Já o chefe das Relações Exteriores da Catalunha, Raul Romeva, disse que se o "sim" vencer, a independência do território acontecerá em até 48 horas. Ele ainda acrescentou que na crise catalã, "a credibilidade das instituições europeias, em particular a Comissão, está em jogo".   

Nas últimas semanas, a Comissão da UE afirmou que considera o tema um assunto interno e preferiu manter o silêncio e destacar a necessidade de uma solução democrática. "Respeitamos a ordem constitucional da Espanha", afirmou o porta-voz da Comissão Europeia, Alexander Winterstein, em uma coletiva de imprensa.   

A tensão entre a Espanha e Catalunha aumentou nas últimas semanas após a prisão de líderes políticos e o sequestro de cédulas de votação do referendo separatista. Milhares de pessoas tomaram às ruas de Barcelona para protestarem contra a operação policial que prendeu 14 membros do governo catalão. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos