Recordes de temperatura aumentam consumo de sorvete na UE

ROMA, 22 JAN (ANSA) - O consumo de sorvetes aumentou 10% na União Europeia (UE) em 2017, devido aos recordes de temperatura registrados em vários países, inclusive na Itália, que é a maior produtora de gelato na Europa. De acordo com um relatório da associação italiana de agricultura Coldiretti, o público consumiu sorvete no verão, mas também em outras estações do ano, o que aponta para uma tendência de dessazonalização do produto. Os resultados do relatório foram divulgados durante o Sigep, feira internacional de gelateria, pasticceria e panificação, que acontece entre os dias 20 e 24 de janeiro, em Rimini, no norte da Itália.   


Atualmente, a Itália é a maior produtora de sorvetes da Europa, com 595 milhões de litros por ano. Em segundo lugar, vem a Alemanha, com 515 milhões de litros; a França, com 454 milhões de litros; e a Espanha, com 301 milhões de litros. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos