PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conselho de Segurança aprova 30 dias de cessar-fogo na Síria

24/02/2018 19h55

BEIRUTE, 24 FEV (ANSA) - Após quase três dias de negociações a portas fechadas, finalmente o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou neste sábado (24), por unanimidade, uma resolução que impõe uma trégua de 30 dias na guerra na Síria. O cessar-fogo vem em um momento em que o país registrou mais de 500 mortos em bombardeios e ataques na última semanas, principalmente no enclave rebelde de Ghouta, perto da capital e o qual tem sido alvo das forças de Damasco. A resolução fala em "ao menos 30 dias" de trégua em todo o país, durante os quais deverão ser enviadas ajudas humanitárias. Para a aprovação do documento, foram necessárias intensas negociações com a Rússia, que sempre vetava a medida, pois é aliada do regime de Bashar al-Assad. Ficarão isentas do cessar-fogo as ações militares contra o Estado Islâmico (EI), Al-Qaeda, al Nusra e outros "grupos, indivíduos e entidades" filiadas ao terrorismo, como foi imposto por Moscou como condição para aceitar a resolução. Somente hoje, 22 pessoas foram mortas em ataques em Ghouta. O balanço de uma semana já contabiliza 500 civis, dos quais dezenas de crianças e adolescentes, de acordo com o Observatório Nacional para os Direitos Humanos na Síria. Ativistas locais também relataram que, mesmo após a aprovação da resolução em Nova York, foram ouvidos bombardeios em Ghouta. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional