Alunos voltam às aulas em escola alvo de massacre na Flórida

PARKLAND, 28 FEV (ANSA) - Escoltados pela polícia, os estudantes da escola em Parkland, na Flórida, que foi alvo de um massacre de 17 pessoas, voltaram às aulas nesta quarta-feira (28), 14 dias depois do ataque.   

A Marjory Stoneman Douglas High School já havia sido aberta parciamente, no último dia 24, somente para professores para que pudessem voltar às salas de aula e retirarem seus pertences pessoais.   

Nesta quarta, os alunos terão aulas com horário reduzido (das 7h40 às 11h30 locais). Além disso, equipes especializadas de atendimento e apoio estarão à disposição dos estudantes e de seus pais.   

Segundo o jornal "New York Post", a direção da escola quer derrubar o prédio permanentemente para construir um memorial às vítimas, com um financiamento estatal de US$28 milhões. No último dia 14 de fevereiro, Nikola Cruz, de 19 anos, entrou na instituição e matou 17 pessoas, entre alunos e professores. O jovem foi preso horas depois de cometer o massacre. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos