PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Escócia impõe lockdown para conter pandemia de Covid-19

Escócia impõe lockdown para conter pandemia de Covid-19 - Getty Images
Escócia impõe lockdown para conter pandemia de Covid-19 Imagem: Getty Images

04/01/2021 16h04

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, impôs novamente um bloqueio nacional a partir da meia-noite desta terça-feira (5) para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no país.

O anúncio foi feito hoje (4) pelo governo local poucas horas antes do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, decretar regras mais rígidas no território britânico, que contabiliza 75.544 mortes e 2.721.590 casos de Covid-19, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins.

"Posso confirmar que decidimos aplicar, a partir da meia-noite de hoje e durante o mês de janeiro, a exigência legal de ficar em casa, exceto por razões de primeira necessidade", disse Sturgeon no Parlamento.

A premiê escocesa afirmou estar "mais preocupada do que em março" e indicou um confinamento de "três ou quatro semanas".

De acordo com as novas regras, os cidadãos só poderão sair de casa para ir a supermercados e hospitais, ou fazer atividades essenciais. Apesar das medidas, a prática de esportes está permitida com restrições, enquanto as escolas ficarão fechadas para a maioria dos alunos até 1º de fevereiro.

A Escócia não chegou a adotar um segundo lockdown em dezembro para conter a propagação do vírus durante as festas de fim de ano, ao contrário do Reino Unido, mas manteve severas medidas.

"Não é exagero dizer que estou mais preocupado com a situação que enfrentamos agora do que com qualquer coisa desde março", finalizou Sturgeon.

Internacional