Suspeito de atentado em Berlim é morto a tiros em Milão, dizem agências

Tunisiano Anis Amri, principal suspeito pelo atentado a feira de Natal, é morto durante um tiroteio num subúrbio da cidade de Milão, noticiam diversas agências de notícias, citando fontes de segurança.O tunisiano Anis Amri, principal suspeito pelo atentado a feira de Natal em Berlim, foi morto durante um tiroteio com policiais na cidade de Sesto San Giovanni, nos arredores de de Milão, noticiam diversas agências de notícias, citando fontes de segurança italianas. Segundo o jornal Corriere della Sera, Amri foi parado às 3h (horário local) por dois policiais num controle de documentos. Ele estava andando sozinho. Ao ser abordado, o jovem puxou uma arma e feriu um dos policiais no ombro. O outro então disparou contra ele, matando-o a tiros. Segundo o Corriere della Sera, no corpo de Amri foi encontrado um bilhete de trem que pode ajudar a reconstruir os movimentos dele: ele pegou um trem em Chambéry, na França, e foi para Turim, de onde se deslocou para a região de Milão. Ele chegou à estação central de Sesto San Giovani por volta da 1h. O ministro do Interior da Itália dará uma entrevista à imprensa em alguns minutos. Amri morou durante vários anos na Itália, onde também cumpriu pena de prisão. Mais em breve... AS/dpa/rtr/afp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos