Cidade universitária inaugura bar sem álcool para estudantes na Bélgica

Jaime Ojeda

Em Louvain (Bélgica)

  • Reprodução/Facebook/NapLap

    Fachada do bar NapLap

    Fachada do bar NapLap

Um grupo de organizações, com o apoio da Universidade de Lovania, na Bélgica, abriu um bar para estudantes onde só são servidas bebidas sem álcool ou com baixo teor alcoólico, com o objetivo de mostrar que os jovens não precisam se embriagar para se divertir.

No bar NapLap, no coração de uma das mais cidades universitárias mais populosas da Bélgica, os clientes só podem beber limonadas, cervejas sem álcool ou com baixo teor alcoólico, e outros coquetéis suaves feitos com cerveja.

"Sair é muito mais que beber álcool", comentou o responsável de assuntos estudantis da prefeitura de Lovania, Bieke Verlinden, que em entrevista à Agência Efe se mostrou seguro de poder provar com o bar que não é preciso tomar muito álcool para ficar bem.

A própria administração municipal, junto com a Universidade Católica de Lovania (KU Leuven), vários coletivos universitários e a multinacional AB InBev, da qual a brasileira Ambev faz parte, são os organizadores deste curioso e pioneiro bar, que estará aberto durante as próximas semanas como experimento e receberá vários eventos e festas.

Diversas associações de jovens organizarão eventos temáticos diariamente no pub, como festas de música house ou funk, concursos, noites de monólogos e eventos de jazz.

"Claro que é possível se divertir sem se embriagar, muitos jovens não bebem e nem por isso são chatos", disse à Efe Mariska Gellaerst, estudante de mestrado em Comunicação em Lovania e frequentadora assídua do estabelecimento.

A AB InBev, uma das maiores cervejarias do mundo e dona de conhecidas marcas como Budweiser, Corona e Stella Artois, faz parte do projeto com a meta de promover o consumo de cervejas sem álcool ou suaves na Bélgica, país mundialmente famoso por suas cervejas de alto teor alcoólico.

As cervejas sem álcool ou de baixo teor alcoólico representam hoje 2,1% do mercado cervejeiro belga, enquanto na Alemanha são 10,4% e na Espanha 17,7%, segundo dados da própria AB InBev.

Os belgas bebem em média 10 litros de álcool por pessoa ao ano, segundo um relatório da OCDE (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico).

De acordo com o vice-reitor de Assuntos Estudantis da Universidade de Lovania, Rik Gosselink, cerca de 50% dos universitários no país corre o risco de se tornar viciado em álcool devido à alta frequência com que consomem cervejas fortes.

Com estes dados, o vice-reitor opinou que é necessário criar consciência sobre questões relacionadas ao álcool, por isso a ideia de abrir um bar que prova que é possível sair com os amigos "sem ficar de ressaca no dia seguinte".

Todos os responsáveis pelo NapLap se mostraram satisfeitos com a recepção que a campanha tem recebido entre os estudantes e não descartaram continuar com iniciativas similares no futuro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos