Juncker proíbe comissários de negociar em segredo com Reino Unido

Bruxelas, 28 jun (EFE).- O presidente da Comissão Europeia (CE), Jean-Claude Juncker, proibiu comissários e funcionários da instituição de estabelecer conversas sobre o 'Brexit' com representantes britânicos até que não haja uma notificação oficial por parte do Reino Unido".

"Sem notificação, não há negociação", disse Juncker no plenário extraordinário da Eurocâmara que aborda as consequências do referendo britânico e onde proibiu comissários e diretores gerais de qualquer diálogo "informal" ou "secreto" com representantes do governo britânico.

"Não haverá negociações secretas", afirmou Juncker, em uma sessão que começou com uma ovação ao britânico Jonathan Hill, que renunciou o cargo de comissário na UE após a saída do Reino Unido do bloco comunitário.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos