Reino Unido enviará 250 efetivos militares adicionais ao Iraque

Londres, 30 jun (EFE).- O ministro da Defesa do Reino Unido, Michael Fallon, anunciou nesta quinta-feira que seu país enviará cerca de 250 efetivos militares adicionais ao Iraque, o que elevará a presença britânica no país asiático para 1.100 soldados.

Em uma notificação escrita à Câmara dos Comuns, Fallon adiantou que 50 pessoas serão destinadas à base aérea de Ain al Assad, no oeste do país, para treinar as tropas locais no controle de explosivos, em técnicas de combate e primeiros socorros.

Um grupo de 90 militares vai colaborar com a segurança dessa mesma base, enquanto 30 efetivos serão encarregados de estabelecer um novo centro de controle para a missão internacional contra o Estado Islâmico (EI), um projeto no qual também trabalharão 80 engenheiros britânicos.

Além disso, Fallon antecipou que Londres enviará armas pesadas e munição no valor de 1,4 milhão de libras (US$ 1,89 milhão), um material que será utilizado pelas tropas iraquianas locais.

"Com o apoio da coalizão internacional, as forças iraquianas estão conseguindo fazer o Estado Islâmico retroceder e estão recuperando território", comentou o ministro da Defesa.

"Faluja foi libertada após sofrer nas mãos do Estado Islâmico desde o início de 2014. Na medida em que as forças iraquianas continuam ganhando terreno e começam as operações preparatórias para retomar Mossul, é importante que a coalizão continue fornecendo o apoio necessário para esse progresso", afirmou Fallon.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos