Itamaraty condena ataque contra delegacia na Venezuela e repudia ato violento

Brasília, 9 jul (EFE).- O Ministério das Relações Exteriores condenou neste sábado o ataque ocorrido ontem contra uma delegacia na Venezuela e repudiou o "ato de violência" no qual uma pessoa morreu e outras 25 ficaram feridas.

Em comunicado, o Itamaraty afirmou que "o governo brasileiro lamenta e condena o ataque ocorrido ontem contra uma das sedes da polícia do estado de Portuguesa, no centro-oeste da Venezuela, que deixou dezenas de feridos e um policial morto".

"Ao transmitir às vítimas, aos seus familiares e ao povo venezuelano sua solidariedade, o Brasil reitera seu repúdio ao ato de violência", acrescentou o curto comunicado.

Um funcionário morreu e outras 25 pessoas ficaram feridas depois que dois sujeitos em uma moto lançaram uma granada ontem em uma delegacia da cidade de Guanare, no estado de Portuguesa.

Por sua parte, as autoridades regionais afirmaram que estão investigando o ataque e que já foram identificados os supostos responsáveis, um dos quais foi abatido e o outro escapou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos