Berlim pede que Iraque e Turquia voltem a cooperar para derrotar o EI

Berlim, 26 out (EFE).- O governo alemão pediu nesta quarta-feira aos Executivos do Iraque e Turquia que busquem uma fórmula para superar suas diferenças e trabalhem conjuntamente para atingir o objetivo comum de acabar com os jihadistas do grupo Estado Islâmico (EI).

O porta-voz do Ministerio das Relações Exteriores, Martin Schäfer, respondeu assim, em um encontro rotineiro com veículos de imprensa, a uma pergunta sobre a opinião de Berlim perante os planos da Turquia de mandar tropas de terra ao Iraque para contribuir à tomada de Mossul, uma cidade há dois anos em mãos dos islamitas.

"Desejamos que estas diferenças entre os dois Estados possam ser resolvidas e que isto não dificulte a luta contra o EI", indicou Schäfer.

Segundo sua opinião, é fundamental que os dois governos estabeleçam contatos para abordar conjuntamente os "objetivos comuns" e para alcançar uma solução que contemple tanto os "interesses legítimos do Iraque" como "a segurança da Turquia".

O porta-voz das Relações Exteriores acrescentou que Berlim deseja que a Turquia siga integrada dentro da coalizão internacional contra o EI, mas "sob as regras" estipuladas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos