Argentina diz que morte de Fidel fecha capítulo da história latino-americana

Buenos Aires, 26 nov (EFE).- O governo da Argentina disse que, com a morte do líder cubano Fidel Castro, "se fecha um capítulo importante da história latino-americana".

A opinião do governo argentino foi expressada pela chanceler, Susana Malcorra, em sua conta no Twitter, na qual também transmitiu condolências "ao governo e ao povo de Cuba".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos