Cazaquistão garante compromisso com sistema de direitos humanos da ONU

Genebra, 28 fev (EFE).- O ministro das Relações Exteriores do Cazaquistão, Kairat Abdrakhmanov, garantiu nesta terça-feira que seu país está profundamente comprometido com o sistema de direitos humanos das Nações Unidas, assim como com a promoção da paz e da segurança global.

"Estamos seriamente comprometidos com os órgãos de tratados (sobre direitos humanos) da Organização das Nações Unidas (ONU). Apresentamos nossos relatórios nacionais dentro dos prazos aos respectivos comitês e tomamos medidas para implementar suas recomendações", explicou o ministro.

Em seu discurso durante a reunião de alto nível na inauguração da 34ª sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU em Genebra, ele ressaltou que para seu governo "a promoção e defesa dos direitos humanos estão intrinsecamente vinculadas aos esforços para garantir a paz, a segurança e a estabilidade".

O responsável das Relações Exteriores lembrou que o Cazaquistão foi o primeiro país de Ásia Central a conseguiu um lugar entre os membros não permanentes do Conselho de Segurança, posição que ocupa desde 1º de janeiro.

"Consideramos esse papel como uma grande responsabilidade e como o reconhecimento da comunidade internacional a nossa política de segurança global", enfatizou.

Ele acrescentou que o Cazaquistão "apoiará os esforços do Conselho de Segurança em manter as conquistas em estabilidade, diplomacia preventiva, resolução de conflitos e reabilitação pós-conflito", entre outros.

Abdrakhmanov afirmou que a realização na capital de seu país, Astana, das negociações internacionais para concordar um cessar-fogo na Síria foi um exemplo prático do compromisso para manter a paz e a segurança mundial.

O ministro também comentou perante o fórum da ONU que o Cazaquistão está na primeira etapa de sua reforma constitucional, centrada em uma "maior democratização do sistema político e na modernização da economia".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos