Rússia e China vetam resolução da ONU contra regime sírio

Nações Unidas, 28 fev (EFE).- A Rússia e a China vetaram nesta terça-feira no Conselho de Segurança da ONU um projeto de resolução que tentava impor sanções ao regime da Síria pelo uso de armas químicas no conflito bélico deste país.

A proposta, que era defendida por Estados Unidos, França e Reino Unido, contou com o apoio de nove países, outras três nações se abstiveram e três representantes votaram contra, incluídos os de Rússia e China, que exerceram seu direito de veto.

Esta é a primeira vez que Rússia e China vetam um projeto de resolução no Conselho de Segurança da ONU desde que o republicano Donald Trump chegou à Casa Branca em 20 de janeiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos