Resultado final das eleições na Bulgária confirma vitória dos conservadores

Sófia, 30 mar (EFE).- O resultado oficial definitivo das eleições gerais antecipadas na Bulgária, cuja votação ocorreu no último domingo, foi anunciado nesta quinta-feira e confirma a vitória do partido conservador e populista GERB, com 32,6%, seguido pelo partido social-democrata BSP, com 27,2%.

Segundo os dados da Comissão Central Eleitoral da Bulgária, a aliança "Patriotas Unidos", integrada por três partidos nacionalistas e com forte discurso xenofóbico, foi o terceiro grupo mais votado, com 9,1% dos votos.

O quarto partido da Câmara, com pouco menos de 9%, é o Movimento de Direitos e Liberdades (DPS), da minoria turca, enquanto o novo partido "Volya", de um conhecido magnata, ficou em quinto lugar, com 4,1%.

A participação neste pleito, o terceiro desde 2013, foi de 54,1% do eleitorado.

Assim, o GERB, liderado pelo duas vezes ex-primeiro-ministro Boiko Borisov, ficará com 95 das 240 cadeiras do parlamento, o BSP com 80, os nacionalistas com 27, o DPS com 26, e Volya com 12.

Este resultado apresenta um cenário complicado para a formação de governo, já que não há maiorias claras e a chances do GERB montar uma coalizão são pequenas.

O BSP se recusa a fazer um acordo com os conservadores, que também rejeitaram uma coalizão tripartite com socialistas e ultranacionalistas.

Os "Patriotas Unidos", por sua vez, se ofereceram como possíveis aliados tanto dos socialistas como dos conservadores.

De fato, o GERB e os nacionalistas superam as 121 cadeiras necessárias para uma maioria parlamentar.

Parvan Simeonov, um analista político búlgaro, disse hoje em entrevista à imprensa que essa coalizão é a "mais provável".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos