Trump diz que México pagará pelo muro fronteiriço de "alguma forma"

Washington, 23 abr (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, insistiu neste domingo que o México pagará de "alguma forma" pelo muro que pretende construir na fronteira entre os dois países, um projeto cujo financiamento está em risco pela oposição de alguns legisladores democratas e republicanos.

"Eventualmente, em uma data posterior para que possamos começar logo, o México pagará de alguma forma pelo muro fronteiriço que tanto precisamos", disse Trump em sua conta no Twitter.

Apesar da oposição frontal do governo mexicano, Trump continua com a ideia de que o México acabará pagando pelo muro, cujos fundos para iniciar a construção devem ser aprovados pelo Congresso americano.

A Casa Branca pediu ao Congresso um orçamento inicial de US$ 1,4 bilhão para a obra, algo que os legisladores devem aprovar antes da meia-noite da próxima sexta-feira para evitar um fechamento parcial do governo, como aconteceu em 2013.

Os líderes democratas do Congresso se opõem à inclusão de fundos no orçamento para o muro e avisaram que, se Trump não a retirar, deixarão que o governo feche.

O próprio Trump criticou hoje a decisão dos democratas com uma mensagem no Twitter: "Os democratas não querem que o dinheiro do orçamento seja destinado ao financiamento do muro apesar do fato de que deteria as drogas e os malvados membros da gangue MS-13 (Mara Salvatrucha)".

O governo anunciou esta semana uma política de "tolerância zero" contra grupos criminosos, como a Mara Salvatrucha, com grande força na América Central e que os EUA acusam de passar pela fronteira infiltrados entre os milhares de imigrantes que fogem da violência.

A pauta sobre o financiamento do muro também despertou rejeição entre legisladores do Partido Republicano, o que não seria um bom sinal para Trump.

De fato, segundo o jornal "The Wall Street Journal", os legisladores republicanos dos estados fronteiriços com o México se uniram aos democratas para pressionar pela retirada do orçamento inicial de US$ 1,4 bilhão destinados à construção do muro.

A proposta de Trump para o muro foi uma de suas grandes promessas de campanha, para a qual assinou uma de suas primeiras ordens executivas como presidente, ao assegurar que os mexicanos reembolsariam o custo do mesmo, embora inicialmente tenha que ser bancado pelos cofres americanos.

O valor estimado do muro passou dos US$ 8 bilhões inicialmente projetados por Trump para US$ 21,6 bilhões, segundo os últimos cálculos do Departamento de Segurança Nacional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos