PUBLICIDADE
Topo

Polícia prende mais dois suspeitos de participação em atentado no Reino Unido

"O Estado Islâmico não nos assusta, somos Manchester", diz cartaz em homenagem às vítimas de atentado na cidade britânica - Darren Staples/Reuters
"O Estado Islâmico não nos assusta, somos Manchester", diz cartaz em homenagem às vítimas de atentado na cidade britânica Imagem: Darren Staples/Reuters

Em Londres

25/05/2017 03h35

A polícia do Reino Unido informou nesta quinta-feira (25) que prendeu outros dois homens na zona metropolitana de Manchester, por conta do atentado da última segunda-feira (22), subindo para oito o número de detidos desde o início das investigações.

Uma dessas pessoas foi presa depois que os agentes realizaram operação em um endereço de Withington, também em Manchester, de acordo com os policiais.

Os agentes também confirmaram a prisão do segundo homem, que ocorreu em outra região metropolitana de Manchester, que não foi divulgada.

Além disso, eles afirmaram que a mulher detida na quarta, no norte da cidade, foi colocada em liberdade.

Na última terça-feira, a polícia prendeu em Manchester Hashem Abedi, um dos irmãos de Salman Abedi, homem suspeito de explodir a bomba que deixou 22 mortos na cidade - Ministério do Interior da Líbia/via AFP - Ministério do Interior da Líbia/via AFP
Na última terça-feira, a polícia prendeu em Manchester Hashem Abedi, um dos irmãos de Salman Abedi, homem suspeito de explodir a bomba que deixou 22 mortos na cidade
Imagem: Ministério do Interior da Líbia/via AFP
Na última terça-feira, a polícia prendeu em Manchester um dos irmãos de Salman Abedi, o terrorista suicida que explodiu um artefato de fabricação caseira na saída de um show da cantora americana Ariana Grande, deixando pelo menos 22 mortos e 64 feridos, entre eles muitas crianças.

A polícia britânica suspeita que o terrorista tenha uma rede de apoio para perpetrar o ataque.