Partido Verde reitera estar disposto a negociar coalizão com Merkel

Berlim, 30 set (EFE).- A direção do Partido Verde da Alemanha reiterou neste sábado estar disposta a iniciar conversações para formar uma coalizão de governo com o bloco conservador dirigido pela chanceler, Angela Merkel, e os liberais.

Em um congresso realizado em Berlim, o partido aceitou o "convite" da União Democrata-Cristã (CDU) e sua irmanada União Social-Cristã da Baviera (CSU) para negociar junto ao Partido Liberal (FDP) a possibilidade de um acordo.

As três legendas formariam a denominada "coalizão a Jamaica" - devido às cores que as representam -, a única fórmula que daria a Merkel maioria estável no Parlamento para governar após as eleições do último domingo, já que os social-democratas descartaram formar uma nova grande coalizão.

Nas eleições, o CDU/CSU obteve 33% dos votos, enquanto os liberais tiveram 10,7% e os Verdes 8,9%.

No entanto, o Partido Verde, cujos militantes terão a última palavra sobre a coalizão, advertiu neste sábado que se as conversações não se desenvolverem de maneira construtiva, permanecerá na oposição para lutar por mudanças.

A comissão negociadora da legenda é dirigida pelos dois líderes nas eleições, Katrin Göring-Eckardt e Cem Özdemir.

As negociações, que são complicadas devido às diferenças programáticas entre liberais e verdes, não começarão antes das eleições regionais no estado da Baixa Saxônia, que serão realizadas no dia 15 de outubro.

Merkel confia em um acordo antes do fim do ano, mas seu ministro da Chancelaria, Peter Altmaier, admitiu nesta semana que as negociações podem se estender até 2018.

"Na última vez, quando se formou a grande coalizão, conseguimos um acordo antes do Natal. Gostaria que fosse assim, mas o importante não é a data, e sim o conteúdo do acordo", disse Altmaier.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos