Irmão de único terrorista vivo dos atentados de Paris é detido por roubo

Bruxelas, 24 fev (EFE).- Mohammed Abdeslam, o irmão mais velho do único terrorista sobrevivente dos atentados de Paris, Salah Abdeslam foi detido neste sábado por roubo em Bruxelas, confirmou a procuradoria da capital belga.

O jovem é suspeito de ter participado do roubo de 70 mil euros em dinheiro de um banco no bairro de Molenbeek-Saint-Jean.

Mohammed Abdeslam já se encontra à disposição da justiça junto a outro detido que também é acusado de estar envolvido no mesmo crime.

A procuradoria belga pediu 20 anos de prisão a Salah Abdeslam, que supostamente participou dos atentados de Paris de 13 de novembro de 2015, por outro fato posterior na Bélgica, quando tentou ferir três policiais com fuzis em março de 2016.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos