Chanceler russo chega a Pyongyang para discutir situação na península

Seul, 31 mai (EFE).- O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, aterrissou nesta quinta-feira (data local), em Pyongyang, onde se reunirá com o chanceler norte-coreano, Ri Yong-ho, para tratar laços bilaterais e a situação no país asiático em plena preparação para a cúpula entre Estados Unidos e Coreia do Norte.

Lavrov aterrissou no Aeroporto Internacional de Sunan, na capital do país, segundo informou a agência de notícias japonesa "Kyodo", no que representa a primeira visita de um chanceler russo à Coreia do Norte em nove anos.

O ministro abordará com Ri assuntos de agenda bilateral, a situação na península coreana e "outros temas importantes do panorama internacional e regional", segundo explicou na véspera o Kremlin.

A visita de Lavrov a Pyongyang acontecerá no meio das negociações para salvar a cúpula em Cingapura entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un, que tem inicialmente a data prevista para o dia 12 de junho.

Ri Yong-ho já se reuniu com o chanceler russo em uma visita a Moscou em março, onde Lavrov sugeriu a possibilidade que no futuro Kim e o presidente russo, Vladimir Putin, realizem uma cúpula.

A visita do ministro das Relações Exteriores da Rússia é a primeira desde que Kim Jong-un ingressou no poder em 2011 após a morte do seu pai, Kim Jong-il.

Depois de Pequim, Moscou é considerado o aliado mais próximo de Pyongyang graças ao legado soviético no país asiático desde os tempos da sua fundação como estado comunista sob a tutela de Stalin, em 1945.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos