PUBLICIDADE
Topo

Internacional

EUA dizem que seguirão na luta pela "restauração" da democracia na Venezuela

28/09/2018 02h23

Washington, 28 set (EFE).- O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, acusou na quinta-feira o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, de falar da "comodidade" das Nações Unidas e disse que Washington continuará "restaurando" a democracia no país sul-americano.

"Ontem, Nicolás Maduro na comodidade das Nações Unidas, enquanto o povo venezuelano continua a sofrer com a pobreza, fome e opressão", disse Pence, em comunicado.

"Enquanto os venezuelanos estão lutando para recuperar sua liberdade, os EUA e seu povo continuarão responsabilizando o regime até que a democracia seja restaurada para as pessoas que amam a liberdade da Venezuela", acrescentou.

Pence fez estas declarações depois de horas de incerteza e rumores sobre um possível encontro entre Maduro e o presidente americano Donald Trump, que não aconteceu.

Os dois líderes estavam dispostos a se encontrar durante a Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York.

Internacional