Topo

Diretor de site de notícias é assassinato no México

24/08/2019 22h12

Cidade do México, 24 ago (EFE).- O jornalista Nevith Condes Jaramillo, diretor do site de notícias "El Observatorio del Sur", que cobria os Estados de México e Guerrero, foi assassinado, segundo divulgou neste sábado o Ministério Público local.

O corpo do jornalista foi encontrado hoje pela manhã com feridas que teriam sido provocadas por objeto perfurante, em uma localidade chamada de Cerro de Cacalotepec, no município de Tejupilco, de acordo com as informações da promotoria.

Até o momento, ainda não se sabe quais as circunstâncias exatas do crime, nem se algum suspeito já foi identificado. Uma investigação já foi aberta, segundo o Ministério Público.

Companheiros de trabalho de Condes Jaramillo contaram ao jornal "El Sol de Toluca" que ele havia recebido ameaças, por isso, inclusive, chegou a solicitar proteção das autoridades.

Este é o 11º jornalista assassinado desde a posse do presidente Andrés Manuel López Obrador, em 1º de dezembro de 2018, segundo a ONG Artículo 19. Nos seis anos de mandato de Enrique Peña Nieto, entre 2012 e 2018, foram 47 profissionais mortos.

A organização Repórteres sem Fronteiras, o México só está atrás de Afeganistão e Síria, no ranking de países mais perigosos para atuar no jornalismo. EFE

Mais Notícias