PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
4 meses

Caravana de Evo Morales é recebida com vaias e ovada em cidade boliviana

18/03/2021 22h43

La Paz, 18 mar (EFE).- Em meio à profunda crise política vivida pela Bolívia, o ex-presidente Evo Morales foi recebido nesta quinta-feira com vaias, e a caravana em que estava na cidade de Monteagudo, no departamento (estado) de Chuquisaca, foi alvo de uma ovada por parte de um grupo de manifestantes.

Na saída do aeroporto Apiaguaiki Tumpa, a caravana foi atacada por pessoas que estavam com faixas e cartazes com mensagens de repúdio à presença do ex-presidente.

Os manifestantes chamaram Morales de "pedófilo" e "estuprador", em referência a algumas acusações de estupro e tráfico humano feitas contra o político e que acabaram não evoluindo nos tribunais.

Várias mulheres que lideraram os protestos esclareceram que sua rejeição a Morales não é "uma questão contra o MAS (Movimento ao Socialismo)", partido do ex-presidente e que elas disseram apoiar. Elas alegaram que Morales "não deixa Luis Arce - o atual presidente do país - trabalhar".

Morales esteve mais tarde em um evento de campanha em um centro esportivo, onde pediu apoio para o candidato a governador Juan Carlos León, e ao final teve que ser escoltado por militantes do partido diante dos protestos dos moradores que rejeitavam sua presença.

O ex-presidente tem estado permanentemente ativo antes e depois da campanha para as eleições regionais como líder do MAS, e sua visita a Monteagudo faz parte das atividades de seu partido no segundo turno eleitoral para eleger o governador de Chuquisaca.

Em dezembro do ano passado, quando a campanha para as eleições regionais bolivianas estava apenas começando, Morales recebeu uma vaia em um evento do MAS em um município na região de Cochabamba, reduto político e sindical do ex-presidente.

No primeiro turno das eleições regionais, em 7 de março, o MAS emplacou governadores em Cochabamba, Oruro e Potosí, e para o segundo turno, em 11 de abril, tem candidatos em outros três departamentos da Bolívia.

Entre as principais cidades bolivianas, a oposição venceu a disputa pelas prefeituras de La Paz, El Alto, Cochabamba, Santa Cruz, Potosí, Tarija, Trinidad e Cobija, e o MAS levou a melhor na capital, La Paz, e em Sucre e Oruro.