Topo

Cotada para Nobel da Paz, paquistanesa Malala visita casal Obama

11/10/2013 22h02

WASHINGTON, 11 Out (Reuters) - A ativista adolescente paquistanesa Malala Yousafzai não recebeu o prêmio Nobel da Paz, para o qual era cotada, mas teve nesta sexta-feira uma grande recepção na Casa Branca, onde conheceu o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e a primeira-dama, Michelle Obama.

A jovem de 16 anos foi baleada na cabeça há um ano pelo Taliban ao fazer campanha pela educação de meninas. Ela se recuperou depois de receber tratamento médico na Grã-Bretanha e era apontada como favorita para ganhar o Nobel.

Em vez disso, o comitê que concede o prêmio escolheu a Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq) como vencedora.

A Casa Branca disse que o casal Obama agradeceu a Malala pelo seu "inspirador e apaixonado trabalho em favor da educação de meninas no Paquistão".

"Os Estados Unidos se juntam ao povo paquistanês e a tantos outros ao redor do mundo para celebrar a coragem de Malala e sua determinação em promover o direito de todas as meninas de irem à escola e realizarem seus sonhos", disse um comunicado da Casa Branca.

(Reportagem de Steve Holland)

Mais Notícias