Grupo de 25 passageiros, formado por mulheres e crianças, deixa avião sequestrado em Malta

VALLETTA (Reuters) - Os primeiros 25 passageiros desceram de um avião sequestrado no Aeroporto Internacional de Malta nesta sexta-feira, e o primeiro-ministro de Malta, Joseph Muscat, disse em publicação no Twitter que mulheres e crianças estavam sendo libertadas.

A aeronave realizava voo interno na Líbia e foi desviada para Malta, a cerca de 500 quilômetros da costa líbia, após um sequestrador dizer à tripulação que estava com uma granada de mão. Mais de 100 passageiros e tripulantes estavam no avião, segundo relatos.

(Reportagem de Chris Scicluna)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos