Milhares tomam as ruas da Irlanda do Norte em funeral de articulador de tratado de paz

LONDONDERRY, Irlanda do Norte (Reuters) - Milhares de pessoas tomaram as ruas de Londonderry, cidade natal de Martin McGuinness, nesta quinta-feira, para se juntarem a dignitários internacionais para o funeral do comandante do Exército Republicano Irlandês (IRA), que se tornou um pilar da paz da Irlanda do Norte.

O ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, que foi uma das figuras-chave do processo de paz, viajou para prestar homenagem ao líder do Sinn Fein que morreu na terça-feira, aos 66 anos, de uma condição cardíaca rara.

McGuinness permanece uma figura odiada por muitos protestantes pró-britânicos na Irlanda do Norte por seu papel importante no IRA, que matou mais de 1.600 pessoas em três décadas de violência visando separar a Irlanda do Norte do Reino Unido e uni-la à República da Irlanda.

Mas ele é um herói para os outros por defender sua comunidade do que era visto como um Estado britânico hostil e por seu papel como um dos principais negociadores no acordo de paz de 1998, que em grande parte colocou um fim à violência.

"Estou aqui para testemunhar a história", disse Antoinette McGuinness, de 66 anos, de Leitrim, da Irlanda.

"Os católicos aqui não tinham nada, eles foram oprimidos por muito tempo, ele mudou isso do começo ao fim, é uma pena que ele não estará aqui para ver o resultado."

O caixão de McGuinness deixou sua casa no bairro católico de Bogside, perto do local onde soldados britânicos abriram fogo contra uma multidão de manifestantes católicos no "Domingo Sangrento", em 1972, matando 13 pessoas.

O caixão foi carregado durante parte do caminho pelos membros do Sinn Fein, incluindo Gerry Adams, e passou por murais em homenagem às vítimas do "Domingo Sangrento" e a membros do IRA presos que morreram em greve de fome uma década depois.

McGuinness foi mais tarde fundamental para convencer um IRA relutante a abandonar as armas e aceitar um acordo de paz que criou um governo com poder dividido e deu à Irlanda influência sobre os assuntos relacionados à Irlanda do Norte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos