PUBLICIDADE
Topo

Trump considerará financiamento temporário do governo caso inclua recursos para muro

24/01/2019 18h38

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, somente vai considerar um plano do Senado para financiar o governo norte-americano temporariamente se ele incluir um "grande adiantamento" para um muro ao longo da fronteira com o México, disse a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, nesta quinta-feira.

A Casa Branca também confirmou que o Senado está tentando negociar um fim à paralisação parcial do governo e que já houve conversas com o senador republicano Lindsey Graham sobre uma resolução.

Mais cedo, o Senado deu votos suficientes para bloquear um projeto dos democratas que encerraria a paralisação de 34 dias ao dar recursos que agências governamentais precisam para operar até 8 de fevereiro.

A medida visava ganhar tempo para que o Congresso e Trump negociassem o financiamento para segurança de fronteira, ao mesmo tempo que permitiria que centenas de milhares de funcionários federais voltassem ao trabalho.

Pouco antes, o Senado também havia impedido uma proposta apoiada por Trump que encerraria a paralisação recorde ao mesmo tempo que financiaria o muro que ele quer construir na fronteira com o México.

(Por Steve Holland e Richard Cowan)