PUBLICIDADE
Topo

Governo Trump mantém diálogo com governadora do Oregon sobre protestos, diz Pence

29/07/2020 12h30

WASHINGTON (Reuters) - A administração do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está mantendo conversas com a governadora do Estado norte-americano do Oregon sobre a contenção de protestos antirracismo em Portland depois de confrontos com agentes federais que vigiavam instalações na cidade, mas Trump disse nesta quarta-feira que os oficiais não seriam retirados até que a região estivesse protegida.

O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, disse à Fox News na terça-feira que o governo estava conversando com a governadora democrata do Oregon, Kate Brown. Ele não forneceu mais detalhes.

A Associated Press, citando um funcionário não identificado da Casa Branca, informou nesta quarta-feira que o governo Trump previa a possibilidade de reduzir a presença de tropas federais se o Estado intensificasse sua própria segurança.

Trump afirmou na Casa Branca que a presença federal permaneceria por enquanto.

"Não vamos embora até que eles protejam sua cidade. Dissemos à governadora, dissemos ao prefeito: protejam sua cidade", disse Trump, repetindo sua ameaça de enviar mais agentes federais se a situação piorar.

"A violência em Portland precisa parar. É claro que a liderança local e o prefeito de Portland não estão dispostos a avançar. É por isso que estamos conversando com a governadora Kate Brown e o Estado de Oregon sobre como prosseguir", afirmou Pence à Fox News.

O governo federal enviou equipes de agentes, às vezes fortemente armados e vestidos com camuflagem, para os protestos de Portland, atraindo críticas de democratas e grupos de liberdades civis que alegam força excessiva e exagero federal de Trump.

(Por Doina Chiacu e Alexandra Alper)