PUBLICIDADE
Topo

Futebol : Copa Africana de Nações começa fase das oitavas de final

23/01/2022 10h23

Dois jogos neste domingo (23) marcam o início da fase de oitavas de final da Copa Africana de Nações (CAN), disputada nos Camarões. A primeira fase ficou marcada pela eliminação precoce e surpreendente de duas potências do futebol africano: Argélia, atual campeã, e Gana.  

Dois jogos neste domingo (23) marcam o início da fase de oitavas de final da Copa Africana de Nações (CAN), disputada nos Camarões. A primeira fase ficou marcada pela eliminação precoce e surpreendente de duas potências do futebol africano: Argélia, atual campeã, e Gana.  

Com Marco Martins, enviado especial da RFI aos Camarões

Os argelinos disseram adeus de maneira melancólica, após sofrer uma dura derrota para a Costa do Marfim na terceira rodada. O resultado de 3 a 1 selou uma campanha decepcionante para os atuais campeões da CAN. A equipe de Riyad Mahrez, craque do Liverpool, chegou não apenas como uma das favoritas para o título, mas com a ambição de quebrar um recorde de partidas sem perder, que pertence atualmente à Itália, que ficou invencível durante 37 jogos.  

A Argélia acumulava 34 partidas sem derrotas quando desembarcou nos Camarões para disputar a CAN. Os argelinos chegaram a 35 com o empate sem gols com a Serra Leoa. Depois, o time se perdeu. A derrota de 1 a 0 para a Guiné Equatorial interrompeu a sequência de bons resultados e deixou a equipe com a obrigação de ir para o tudo ou nada na partida final contra os marfinenses.  

A estratégia 100% ofensiva esbarrou no bloqueio da Costa do Marfim que apostando nos contra-ataques impôs a goleada humilhante que fez os argelinos terminarem em último no grupo E.

Decepção igual tiveram os torcedores de Gana. Uma das mais fortes seleções do continente  e tetracampeã da CAN foi eliminada na última rodada após derrota de 3 a 2 para estreante Ilhas Comores. O time ganense deixou a competição com apenas 1 ponto, conquistado no empate com o Gabão, após derrota na estreia para Marrocos por 1 a 0.  

Seleções lusófonas 

Das duas seleções lusófonas participantes da CAN, apenas uma segue adiante. A Guiné Bissau deixa a competição como última colocada do grupo D tendo somando apenas 1 ponto com o empate sem gols contra o Sudão.  

Já Cabo Verde garantiu lugar nas oitavas apesar dos casos de Covid que atingiram o elenco de Cabo Verde, e até o treinador Pedro Brito. Os três jogos da fase de grupos foram dirigidos pelo adjunto Humberto Bettencourt.  

Apesar dos desfalques, os caboverdianos mostraram garra na vitória de 1 a 0 contra a Etiópia, perderam no jogo seguinte para o Burlina Faso pelo mesmo placar, antes de enfrentar a seleção anfitriã e arrancar o empate contra os Camarões.  O resultado fez a equipe somar 4 pontos e ficar com uma das vagas para os quatro melhores terceiros colocados da fase de grupos. 

No início da fase de mata-mata, Cabo Verde enfrentará Senegal na próxima terça-feira (25).  

Para ouvir o programa, clique no link acima