Topo

CarnaUOL

Rio de Janeiro


Climão, coxinhas e lágrimas marcam passagem de Marquezine pela Sapucaí

Ana Cora Lima e Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

10/03/2019 02h26Atualizada em 10/03/2019 09h17

Mesmo sem desfilar, ela foi o centro de todas as atrações na noite deste Sábado das Campeãs na Sapucaí. Bruna Marquezine chegou ao camarote CarnaUOL N1 acompanhada da modelo Izabel Goulart e cercada de sete seguranças por volta de 0h30. As duas abusaram da transparência e escolheram tops bastante reveladores.

A chegada ao camarote foi bastante tumultuada: ela foi a única celebridade que não usou a rampa de acesso, entrou pela porta de serviço, posou rapidamente para fotos e seguiu direto para o estúdio do UOL, onde deu entrevista a Matheus Mazzafera

Aos jornalistas que a aguardavam ela se limitou a dizer, quando perguntada sobre qual agremiação de sua preferência: "Vim ver todas as escolas". 

A comitiva que a acompanhava era formada por dois primos e as respectivas namoradas, uma amiga, além da empresária e assessora de imprensa Juliana Mattoni. "Não para. Fiquem atrás de mim", avisou aos convidados, que foram literalmente arrastados pela multidão ao redor dela. "É sempre assim", disse um dos primos, que não quis revelar o nome.

Depois de dar entrevista a Mazzafera, Marquezine seguiu com Izabel Goulart e Fernanda Motta para a frisa, em um espaço reservado, e assistiu parte do desfile da Portela.

Bruna Marquezine assiste desfile da Vila Isabel - Marcela Ribeiro/UOL
Bruna Marquezine assiste desfile da Vila Isabel
Imagem: Marcela Ribeiro/UOL
Para chegar nessa área vipíssima, Marquezine teve que passar pela cozinha e não resistiu aos quitutes. Comeu cinco coxinhas e sorriu para os funcionários. "Está uma delícia. Até o fim da noite eu volto para comer mais", prometeu.

Devidamente instalada, ela bebeu gin e degustou mais salgadinhos. A atriz sambou, cumprimentou os integrantes da escola e tirou selfies. A reportagem do UOL bem que tentou, gritando o nome de Bruna, mas a assessoria da atriz logo avisou que ela não daria mais entrevistas. 

Do lado de fora do cercadinho, alguns fãs pediam selfies com Bruna e ela fazia que sim com a cabeça sem se mover em direção a eles.

"Eu até entendo, ela está no meio de um furacão", disse um fã, resignado.

Durante o intervalo entre a Portela e a Vila Isabel, Marquezine ficou um bom tempo mexendo no celular e avisou: "Quero ver a Sabrina [Sato] passar". As duas estiveram juntas nesta semana, quando a atriz foi visitar Zoe, a filhinha da apresentadora.

Durante sua passagem à frente da bateria da Vila, a apresentadora da Record e musa do camarote CarnaUOL mandou beijos para Marquezine.

Apesar de todo o cuidado em torno dela, houve um momento de climão: David Brazil passou diante da entourage de Marquezine e parou para beijar Izabel Goulart e Fernanda Motta, que estavam ao lado da atriz. Discretamente, a ex de Neymar olhou para o outro lado, no melhor estilo egípcia, e eles não se cumprimentaram.

Para quem não lembra: David é amicíssimo de Neymar e estava no bonde do jogador e de Anitta, na segunda-feira passada, quando eles trocaram os beijos mais comentados deste Carnaval.

Bruna Marquezine invade a pista depois da passagem da Mangueira - Matias Maxx/UOL
Bruna Marquezine invade a pista depois da passagem da Mangueira
Imagem: Matias Maxx/UOL

Mangueira e Marielle

Depois de passar todo o desfile da Viradouro no camarim de Sabrina, Marquezine desceu para assistir ao desfile da Mangueira com a japa. As duas estavam empolgadíssimas: cantaram e dançaram durante todo o desfile. 

Quando Monica Benício, viúva de Marielle Franco, passou pela avenida e a cumprimentou, Marquezine chorou, emocionada. O enredo vencedor do Carnaval carioca deste ano era "Histórias para Ninar Gente Grande" e citava a vereadora assassinada há um ano.

Como é tradição, vários espectadores pularam as grades para seguir a escola campeã. Sabrina e Marquezine foram atrás da Mangueira e desapareceram na multidão --cercadas, é claro, por um time de seguranças.

Para encerrar a noite, já de volta ao camarote, Marquezine se atracou com uma bandeja cheia de salgadinhos e foi embora, feliz da vida, abraçada com dezenas de coxinhas.

Mais Rio de Janeiro