PUBLICIDADE
Topo

Reinaldo Azevedo

Jacarezinho: mortos podem ter sido contados como feridos nos registros

13/05/2021 14h13

Os registros de ocorrência da operação policial mais letal do estado do Rio de Janeiro seguiram um mesmo padrão, de acordo com relatos feitos à Delegacia de Homicídios da Capital pelos agentes que participaram da ação com ao menos 28 mortos na favela do Jacarezinho.

Em dez dos 12 boletins de ocorrência, policiais disseram ter encontrado feridos após revidarem tiros de criminosos ligados ao tráfico —os baleados foram então levados a hospitais. No entanto, o UOL constatou que em ao menos quatro casos as pessoas morreram na favela, diferentemente do que disse a polícia.