Gato frequenta faculdade em Santos (SP) e ganha até prêmios de melhor aluno

Bruno Marise

Colaboração para o UOL

Em meio a tantos alunos, professores e funcionários, o frequentador mais célebre da Fatec Rubens Lara em Santos, litoral de São Paulo, é o gato Branco. O animalzinho que pertence a uma vizinha da unidade da Ponta da Praia apareceu há quase dez anos entre os corredores da Fatec e desde então caiu nas graças de todos.

"Ele praticamente trabalha, estuda e vive aqui", brincou em entrevista ao UOL Andressa Serpa, que trabalha na secretaria acadêmica. "O Branco é a paixão de todo mundo. Ele deita na mochila dos alunos, entra para dar aula com os professores. O pessoal cuida dele, faz carinho, dá comida. Agora ele tem até um espaço próprio, com um sofá e uma almofada bordada com o nome dele", completa.

Branco é tão assíduo nas aulas que ganhou vários "títulos", entre eles "Melhor Aluno ADS 2011", "Melhor Aluno Gestão 2012", "Melhor Aluno SI 2013" e "Melhor Aluno Logística 2014", todos devidamente registrados em uma página no Facebook em sua homenagem.

A "Branco Fatec da Silva" tem mais de 16 mil seguidores e diariamente é atualizada com fotos, vídeos, "memes" e todas as "aventuras" de Branco. "Como ele é bem carismático, a página acaba sendo usada também para fazer avisos da escola. Inclusive no final do ano teve uma mensagem especial de Natal, com uma foto do Branco vestido de Papai Noel", conta Andressa. Apesar de a fanpage servir como uma prestação de serviço da Fatec, não é administrada pelos funcionários da escola.  A suspeita é que o responsável seja um ex-aluno da unidade. 

Mas, mesmo antes de começar a frequentar a Fatec, Branco já era um gato especial. Abandonado na rua ainda filhote, foi resgatado pela comerciante Fabiana Pimentel. "Eu tive câncer de intestino, e o Branco foi meu grande companheiro de quimioterapia, ficava sempre do meu lado. Quando ele começou a ir para a Fatec, eu ia todo dia buscá-lo, porque sabia dos riscos que ele corria por estar na rua, mas ele insistia em ficar. Como o Branco foi muito bom para mim, a veterinária recomendou que eu não tirasse essa liberdade dele, porque ele gosta muito de lá, foi o lugar que ele escolheu. Então ele passa o dia todo na Fatec, mas sempre volta para dormir em casa", conta Fabiana.

Mas nem sempre a escola tem movimento e, aos finais de semanas ou férias, Branco sente muito a falta dos alunos. "Ele fica muito entediado. Quando vê que não tem ninguém na escola, volta para casa, mas fica muito rabugento, muito bravo. A gente brinca que ele é outro gato quando está na Fatec", acrescenta a dona de Branco.

Os recém-chegados podem até estranhar, mas logo se habituam com a presença do mascote. "Como ele tem a coleira com a identificação e o meu número de telefone, às vezes algum aluno novo vê ele por lá e me liga falando que encontrou um gatinho perdido, mas eu explico que se ele está na Fatec, ele está no lugar dele. Sou muito grata a todos da Fatec por terem aceito meu Branco por lá, pois sabemos que outros lugares não toleram, infelizmente", conclui Fabiana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos