PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Jovens morrem afogados após pularem em rio para salvar amiga no interior de SP

Bombeiros encontraram os corpos dos jovens a sete metros de profundidade em Pedreira (SP) - Divulgação/Prefeitura de Pedreira
Bombeiros encontraram os corpos dos jovens a sete metros de profundidade em Pedreira (SP) Imagem: Divulgação/Prefeitura de Pedreira

Fernando Molina

Colaboração para o UOL

23/10/2018 17h37

Dois jovens morreram na cidade de Pedreira, interior de São Paulo, enquanto tentavam ajudar uma amiga que se afogava no último domingo (21). Segundo os bombeiros, Anderson Felipe de Oliveira, de 21 anos, e Luan Rocha de Lima, de 20 anos, conseguiram salvar a mulher, mas acabaram desaparecendo nas águas do rio Jaguari.

O Corpo de Bombeiros do município de Amparo foi chamado para atender a ocorrência e, pouco tempo após as buscas se iniciarem, acabou encontrando os jovens já sem vida no domingo, a sete metros de profundidade, segundo o tenente Rafael Rangel Torres.

Leia mais: 

O Instituto Médico Legal (IML) de Mogi-Guaçu confirmou que os corpos de Oliveira e Lima já foram liberados às famílias, mas as causas das mortes só serão oficialmente esclarecidas após a emissão do laudo, com prazo mínimo de dez dias.

A orientação dos bombeiros em caso de se testemunhar um afogamento é imediatamente acionar o serviço de emergência pelo número 193 e evitar ir ao encontro da vítima, mesmo que se saiba nadar, devido aos riscos de ser arrastado junto a ela. Outra indicação é tentar arremessar objetos em que a vítima possa se apoiar, como boias ou outros materiais que flutuem na água, enquanto o socorro não chega ao local.

Cotidiano