PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês
FAB intercepta dois aviões com mais de 1 tonelada de cocaína no MS

Aeronave interceptada pela FAB fez pouso forçado em Ivinhema (MS); 700 kg de cocaína foram apreendidos - Divulgação/FAB
Aeronave interceptada pela FAB fez pouso forçado em Ivinhema (MS); 700 kg de cocaína foram apreendidos Imagem: Divulgação/FAB

Marcelo Oliveira

Do UOL, em São Paulo

02/08/2020 18h30

A Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou dois aviões no Mato Grosso do Sul nesse domingo. As ações permitiram que a PF apreendesse 1,15 toneladas de cocaína, segundo nota divulgada pela Aeronáutica.

As ações, simultâneas, fizeram parte da operação Ostium, realizada com a Polícia Federal, para coibir a criminalidade transnacional na fronteira do país. Cinco caças da FAB participaram da operação — quatro A-29 Super Tucano e um E-99.

Na primeira ação, um monomotor foi interceptado a nordeste de Campo Grande (MS). O avião foi abordado por um A-29 da FAB e persuadido a pousar em Rondonópolis (MT), onde a Polícia Federal assumiu a ação. Os pilotos da aeronave foram presos em flagrante e 450 kg de cocaína foram apreendidos.

Na segunda ação, um bimotor interceptado a sudoeste de Campo Grande (MS) e orientado pelos militares a pousar em Três Lagoas (MS), mas não cumpriu a ordem e fugiu, mas acabou fazendo um pouso forçado em um campo em Ivinhena (MS). A aeronave levava 700 kg de cocaína a bordo.

Segundo a nota, o comandante de Operações Aeroespaciais, Tenente-Brigadeiro do Ar Jeferson Domingues de Freitas, classificou a operação como um sucesso. "Nós comprovamos que o nosso Sistema de Defesa Aeroespacial (SISDABRA) é capaz de desencadear operações simultâneas de defesa aérea", disse.

Cotidiano