PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
3 meses

Família com 2 crianças está em estado grave após explosão de botijão de gás

Explosão de botijão de gás feriu uma família no RJ - Divulgação/Prefeitura de Duque de Caxias
Explosão de botijão de gás feriu uma família no RJ Imagem: Divulgação/Prefeitura de Duque de Caxias

Marcela Lemos

Colaboração para o UOL, no Rio de Janeiro

26/11/2020 08h33

Quatro pessoas de uma mesma família, entre elas duas crianças com 5 e 8 anos, se feriram gravemente na madrugada de ontem após uma explosão que teria sido causada pelo vazamento de gás de um botijão na casa onde elas estavam, na Rua Manoel Cunha, no bairro de Coelho da Rocha, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Mais quatro pessoas foram atendidas, com menor gravidade.

A família foi socorrida para o Hospital de Saracuruna, Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias - cidade vizinha. De acordo com informações da unidade, os quatro parentes deram entrada com queimaduras e estão em estado grave.

Entre as vítimas estão um menino de 8 anos, que teve queimadura de 2º grau em 45% do corpo e está no CTI pediátrico e uma menina, de 5 anos, que teve 55% do corpo queimado. Jorge Luís Pereira da Silva, de 60 anos, teve queimaduras de 3º grau no rosto, pescoço, tórax, dorso e abdômen. E Jéssica Gomes da Silva, de 25 anos, também teve queimaduras de 3º grau nas vias aéreas, rosto, pescoço, tórax, dorso, abdômen e outras partes do corpo.

Segundo os Bombeiros, homens do quartel de São João de Meriti, com apoio de militares de Nilópolis e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados para o local por volta das 5h da manhã para atender ao chamado de explosão com princípio de incêndio na casa de alvenaria que tem dois andares.

Segundo a corporação, uma mulher, identificada como Núbia Maria, de 74 anos, também foi socorrida no local e levada ao Hospital da Posse, em Nova Iguaçu. A unidade informou que ela foi atendida com um corte na cabeça, fez exame de tomografia, foi medicada e recebeu alta ainda na manhã de ontem.

Outras duas pessoas, um homem de 26 anos e um idoso de 83, foram atendidos no local e dispensaram atendimento médico.

Ao todo, oito pessoas ficaram feridas na explosão.

Procurada, a Polícia Civil informou que as investigações estão em andamento na Delegacia de São João de Meriti para apurar as causas da explosão. A perícia foi realizada no local e testemunhas estão sendo ouvidas.

Cotidiano