PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
11 meses

Mulher de 101 anos envia currículo e viraliza nas redes: "Lição de força"

Maria Cardoso, de 101 anos, com o currículo - Arquivo pessoal
Maria Cardoso, de 101 anos, com o currículo Imagem: Arquivo pessoal

Ed Rodrigues

Colaboração para o UOL, no Recife

13/02/2021 12h07

A cada despedida da família a caminho do trabalho, em Promissão (SP), Maria Cardoso, 101, repetia: "Leva meu currículo". Com a ajuda de netos e bisnetos, o documento foi produzido. Um único pedido da já centenária mulher: trabalhar no escritório.

O currículo chegou nas mãos da psicóloga Juliana Araújo por meio de uma das bisnetas. O emprego não veio, mas a carta e a atitude da senhora sensibilizaram a equipe -e o pedido viralizou nas redes sociais.

"A família é bem grande. Sempre que estamos reunidos, nos despedimos dizendo que vamos trabalhar. Ela sempre disse: 'leva o meu currículo'. Aí, ela pediu para a gente fazer um currículo dela porque ela quer ir trabalhar também", contou a bisneta Pâmela Matias Gomes. "Ela disse para a gente colocar no currículo que queria trabalhar no escritório."

Ao receber o currículo, a psicóloga se encantou. "O currículo chegou para mim primeiro no grupo da empresa. A bisneta de dona Maria está nesse grupo e me mandou a foto pedindo para entrevistá-la, na brincadeira. Me chamou a atenção logo a data de nascimento", disse Juliana.

Eu pedi para trazer o currículo para mim. Achei a coisa mais linda aquela foto dela no currículo. Sem pretensão nenhuma, compartilhei na rede social com meus amigos. E disse que era um exemplo de empoderamento e determinação. E em uma época que a gente fala tanto sobre esse tema, uma senhorinha veio e deu uma aula para a gente"

No grupo de WhatsApp da empresa, funcionários também se encantaram com a história e pediram para a psicóloga entrevistá-la. "Mas não foi nossa intenção arrumar um emprego para ela. Foi só fazer um desejo da minha bisa. Só entregar o curriculo mesmo. Ela ama um vinho. Aí, brincou que queria comprar sua 'carninha gorda e o vinho', para ajudar a filha dela que mora com ela", disse Pâmela.

Cotidiano