PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Advogada é morta a tiros na frente do filho de 11 anos em São Paulo

Uma mulher foi morta a tiros na zona norte de São Paulo na frente do filho de 11 anos - Reprodução/TV Globo
Uma mulher foi morta a tiros na zona norte de São Paulo na frente do filho de 11 anos Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

23/06/2021 08h26Atualizada em 24/06/2021 08h44

Uma advogada e conselheira tutelar de 42 anos foi morta a tiros na noite de ontem em uma rua do bairro Tremembé, na zona norte de São Paulo. O crime foi presenciado pelo filho da vítima, de 11 anos.

Segundo informações da SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública), os policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo. No local, os agentes encontraram a vítima caída, desacordada e com ferimentos na região do tórax. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) realizou o atendimento, mas a mulher morreu no local.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima, na companhia de seu filho, de 11 anos, trafegava rua Paraná quando teve seu veículo, um Renault/Duster, interceptado por outro veículo ainda não identificado.

Cerca de três homens, usando capuzes, um deles armado, retirou a vítima do carro. Um segundo autor efetuou três disparos contra a mulher e os três fugiram levando a bolsa da vítima.

De acordo com informações divulgadas no fim do dia pela polícia ao jornal SPTV, da TV Globo, a vítima estava com R$ 18 mil, sendo R$ 9 mil numa bolsa e outro R$ 9 mil no sutiã.

O caso foi registrado no 73º DP e é investigado por meio de inquérito policial pelo DHPP (Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa).

Errata: o texto foi atualizado
Inicialmente, o texto informou que a idade do filho da vítima era 12 anos com base em informações da TV. A idade foi corrigida para 11 anos após confirmação da SSP-SP.

Cotidiano