PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

PF cumpre mandados contra suspeito de publicar conteúdo nazista em SP

Mandado de busca foi cumprido na residência do investigado em São José do Rio Preto (SP) - Divulgação
Mandado de busca foi cumprido na residência do investigado em São José do Rio Preto (SP) Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

02/08/2021 09h34

A Polícia Federal cumpriu hoje em São José do Rio Preto (SP) um mandado de busca e apreensão contra um suspeito de publicar conteúdos discriminatórios e divulgar símbolos nazistas nas redes sociais.

A investigação teve início após documentos extraídos do banco de dados do "report system", da ONG Safernet, revelarem que um determinado perfil no Facebook fez, em diversos momentos, comentários de cunho discriminatório contra judeus, católicos, nordestinos, negros e homossexuais.

Além das ofensas, o perfil investigado também exibia a cruz suástica e se declarava nazista, disseminando conteúdos relacionados a ódio contra homossexuais, racismo, antissemitismo, bem como a idolatria ao nazismo e fascismo.

Para a Polícia Federal, o perfil incitava a violência contra determinados grupos. O mandado de busca e apreensão foi expedido pela 2ª Vara Federal de São José do Rio Preto.

Na operação foram apreendidos um computado, um celular, desenhos alusivos ao Nazismo e à suástica e máscaras tubulares. Ainda foram identificados mais dois perfis na mesma rede social administrados pelo suspeito, reafirmando a conduta criminosa.

Todo material passará por perícia e análise na Unidade de Inteligência da Polícia Federal.

O suspeito responderá pelo crime previsto no artigo 20, §§ 1º e 2º, da Lei nº 7.716/1989, cuja pena é de reclusão de 2 a 5 anos e multa.

A operação foi chamada de Rosa Branca em alusão ao movimento antinazista na Alemanha.

Cotidiano