PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Filho imobiliza pai para proteger mãe de agressão física em Anápolis (GO)

Filho, de capacete, imobilizou o pai no chão - Reprodução/TV Anhanguera
Filho, de capacete, imobilizou o pai no chão Imagem: Reprodução/TV Anhanguera

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

18/10/2021 13h43

Um homem de 55 anos foi imobilizado pelo filho para evitar que a mãe, de 43, sofresse agressão física em frente à casa dela, em Anápolis (GO).

O episódio ocorreu na tarde de sábado (16) e foi registrado em imagens que mostram o pai caído no chão, com o rapaz, de 21 anos, sobre ele. Usando o joelho e as mãos, ele prendeu os braços do pai, para impedir que ele se movimentasse e conseguisse agredir a ex.

Segundo a PM (Polícia Militar), o homem estava embriagado e, antes de ser imobilizado, agrediu fisicamente o ex-sogro e uma ex-cunhada. Vidros da janela da residência foram quebrados durante a confusão.

agressão - Reprodução/TV Anhanguera - Reprodução/TV Anhanguera
Imagem: Reprodução/TV Anhanguera

Diante da situação, a mulher telefonou para o filho pedindo ajuda. O jovem chegou de motocicleta e, ainda de capacete, conseguiu manter o pai no chão até a chegada da PM.

Ainda segundo a polícia, o suspeito chegou a ameaçar matar a ex-companheira com uma faca e esta não foi a primeira vez que ele teria praticado violência doméstica contra ela.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados pela corporação para preservar a identidade das vítimas.

O homem foi preso em flagrante delito por uma equipe do 4º Batalhão da PM, levado para a Central de Flagrantes de Anápolis e depois foi transferido para a carceragem da Unidade Prisional Regional de Anápolis.

Até a manhã de hoje ele continuava preso e aguardava audiência de custódia, para que a Justiça defina se ele vai responder pelo crime em liberdade ou se a prisão será convertida em preventiva.

Segundo a PM, no momento da prisão ele não apresentou um advogado para sua defesa. A Polícia Civil de Goiás não informou se a vítima já havia registrado Boletim de Ocorrência de outras supostas agressões cometidas por ele.

Cotidiano