PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Casal é preso por golpes do PIX em lojas de roupa e eletrônicos no Ceará

Bolsas, roupas e celulares apreendidos pela polícia após estelionato via PIX - Divulgação
Bolsas, roupas e celulares apreendidos pela polícia após estelionato via PIX Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

14/05/2022 17h18

A Polícia Civil do Ceará prendeu na noite de ontem (13) um casal suspeito de utilizar falsas transferências por PIX para praticar estelionato contra lojas de roupas e equipamentos eletrônicos na cidade de Acaraú, a 236 km de Fortaleza.

A Delegacia Regional de Acaraú iniciou as investigações após receber uma denúncia de uma loja de roupas. O casal suspeito teria separado R$ 1 mil em bolsas e roupas masculinas e femininas. No pagamento, o casal apresentou um falso comprovante de pagamento via PIX e deixou a loja antes que a fraude fosse notada.

O mesmo golpe foi aplicado em uma loja de equipamentos eletrônicos. Antes que o casal conseguisse fraudar a compra de aparelhos celulares, o dono da loja identificou o comprovante falso e frustrou o golpe.

"A dupla fugiu do estabelecimento antes de ser acionada alguma equipe policial", diz a Polícia Civil em nota. Munidos de informações cedidas pelas vítimas, investigadores encontraram o casal em um hotel na Vila de Jericoacoara.

Os suspeitos foram identificados como Glauco Faro Lisboa, 36, e Jhennefer Maciel Guimarães, 26.

Os agentes encontraram a mercadoria e apreenderam dinheiro, quatro aparelhos celulares e um veículo. A dupla foi conduzida para a Delegacia Regional de Acaraú, onde Jhennefer foi autuada em flagrante pelo crime de estelionato.

Glauco, "que tentou subornar os policiais para não ser preso", diz a polícia, foi autuado em flagrante pelos crimes de corrupção ativa e estelionato.

"O casal foi encaminhado para uma unidade do sistema prisional, e encontra-se à disposição da Justiça", conclui a polícia.

Cotidiano