Conteúdo publicado há 3 meses

Parte de prédio abandonado desaba em São Paulo; edifício foi interditado

Um prédio abandonado na Bela Vista, em São Paulo, desabou parcialmente na tarde de ontem e foi interditado.

O que aconteceu

Vistoria realizada no local constatou que o edifício corre risco iminente de queda. Segundo a Defesa Civil do estado, o prédio abandonado fica na rua Artur Prado.

Entrada de prédio vizinho também foi parcialmente interditada. A Defesa Civil informou que o dormitório de um dos apartamentos desse prédio também foi interditado por fazer frente com edifício que pode cair.

Nova inspeção será realizada amanhã pela Defesa Civil da Prefeitura de São Paulo. Procurado pelo UOL, o Corpo de Bombeiros disse compareceu ao local, mas apenas prestou apoio aos trabalhos que era realizado pela Defesa Civil estadual.

Não houve vítimas, feridos ou desalojados. Devido ao risco de queda, nenhuma equipe de resgate entrou no prédio.

Uma moradora de prédio na frente disse ter escutado um barulho forte ontem, às 13h. Ela não quis se identificar e disse que também novos ruídos durante a madrugada. "Uma próxima chuva forte e ela cai", contou outro morador.

Hoje pela manhã, era possível ver blocos de tijolos na calçada. O prédio ao lado também tem fitas isolando a entrada de carros.

A Prefeitura de São Paulo disse que o imóvel é propriedade particular. Segundo a gestão municipal, um laudo será contratado para avaliação das condições estruturais da construção e a realização de possíveis intervenções.

Em Cotia, obra causou danos a prédio comercial

Obras de terraplanagem eram realizadas na Granja Viana. De acordo com a Defesa Civil municipal, o canteiro também sofreu abalos em sua estrutura.

Continua após a publicidade

O local ficou interditado. Não houve relato de vítimas, pessoas desalojadas ou desabrigadas e o dono do prédio recebeu orientação em relações a medidas de segurança.

Ponte caiu em Embu-Guaçu

Uma ponte que liga os bairros Marcial Herculino de Holanda e Jardim São Paulo caiu. A queda foi causada pelo transbordando de um rio, que também alagou várias moradias da região. Segundo a Defesa Civil do estado, 24 pessoas ficaram desabrigadas e não houve registro de vítimas.

A Defesa Civil do município permanece em campo vistoriando locais de risco. Essas equipes realizam ainda trabalhos de limpeza em áreas atingidas.

Laje desabou em Barueri

A ocorrência deixou uma pessoa com ferimentos leves. Ela foi socorrida e levada ao Hospital Francisco Moran.

Continua após a publicidade

Após vistoria prévia, o local ficou interditado preventivamente. Outros quatro moradores ficaram desalojados e foram encaminhados para casa de parentes.

Deixe seu comentário

Só para assinantes