Conteúdo publicado há 30 dias

Delegado aposentado é morto a facadas em casa no interior de MG

O delegado de polícia aposentado Hudson Maldonado, 86, foi morto a facadas nesta quarta-feira (22) em Sete Lagoas (MG). O homem estava em casa quando foi surpreendido com os golpes.

O que aconteceu

Maldonado estava em casa quando um homem invadiu a residência, esfaqueou o delegado aposentado e ateou fogo em um colchão. A cuidadora da vítima, que também estava no local, foi encaminhada ao hospital, mas não há informações sobre o estado de saúde dela.

Causa da morte será apurada. Ao UOL, a Polícia Civil de Minas Gerais disse que o corpo da vítima será submetido a um exame de necropsia. As autoridades trabalham na hipótese do envolvimento de duas pessoas. Um telefone celular também foi levado.

Ainda segundo a polícia, não é possível identificar o que causou a morte, se as facadas ou o incêndio. Samu e Corpo de Bombeiros atuaram no resgate. O local foi posteriormente isolado para pela perícia. Maldonado tinha problemas de mobilidade.

Polícia ainda não identificou suspeitos. Também não se sabe a motivação do crime.

Delegado, advogado e professor

Hudson Maldonado integrou a Polícia Civil de Minas Gerais. O ex-delegado era, também, advogado e professor universitário.

Maldonado tinha pós-graduação em Ciências Penais e Administração pela UFMG e Criminologia pela PUC-MG.

Um dos filhos de Maldonado é delegado no Distrito Federal. Hudson Maldonado Filho atua na Polícia Civil em Sobradinho.

Deixe seu comentário

Só para assinantes