PUBLICIDADE
Topo

Após expulsão de Sabará, Marina Helena renuncia a candidatura de vice

Do UOL, em São Paulo

24/10/2020 20h04

A economista Maria Helena (Novo) renunciou hoje à candidatura como vice-prefeita na chapa de Filipe Sabará (sem partido). O anúncio foi feito nas redes sociais.

"Eu me dediquei de corpo e alma nos últimos oito meses a estudar São Paulo e encontrar soluções reais para a cidade. Infelizmente, dado os últimos acontecimentos, eu não vejo mais ser possível implementar essa agenda. Por isso, eu renuncio a minha candidatura à vice-prefeitura", explicou Marina em um vídeo.

A renúncia de Marina acontece depois que Filipe Sabará, o candidato a prefeito foi expulso do partido Novo.

No vídeo, ela agradeceu ao candidato e ao partido. "Eu sei que nesses últimos tempos existem diferenças entre eles [Sabará e Novo], mas sei que eles compartilham o mesmo propósito que me trouxe à política que é transformar a vida das pessoas."

O partido Novo comunicou a expulsão de Sabará na última quarta-feira. Segundo o partido, a decisão é irrevogável.

Sabará afirma que está sofrendo perseguição política por parte do presidente da sigla, João Amôedo.

O candidato apresentou inconsistências no currículo e precisou retificar sua declaração de bens no registro de candidatura (de R$ 15,6 mil para R$ 5,1 milhões).